18 de outubro de 2018

Você é jornalista? Então, você precisa ter uma impressora

atualizado em 18 de outubro de 2018 às 15:25

Impressora Sem comentários

impressora

Os jornalistas são profissionais da informação, das ideias, da comunicação e do texto. Não importa que muitas pessoas digam que na era digital, das fotos e vídeos, o texto vai desaparecer. Todos nós sabemos que profecias não são verdadeiras.

O fato é que todo jornalista gosta de livros, jornal impresso, revistas, folhetos e outros veículos de comunicação que ainda insistem em fornecer para a sociedade um material de qualidade, que seja palpável e tradicional.

É claro, ninguém abre mão do digital, afinal de contas, sabemos que o jornalista precisa estar sempre atualizado, adora notícias e não vai desgrudar do universo online em nenhum momento do dia. Mas é certo que existem algumas tarefas da profissão que são mais produtivas e, até mesmo, mais criativas quando usamos o papel, a impressão. O material impresso nos dá o prazer de folhear, riscar, rasurar, corrigir, anotar. São coisas que os jornalistas entendem muito bem!

A impressora ajuda bastante no trabalho de rotina do jornalista, como você verá a seguir!

Revisar o material impresso

Depois de passar minutos ou horas escrevendo um artigo, matéria, reportagem, crônica, post para o blog, notícia, escalada para o jornal, manchetes para o programa de rádio, roteiro e qualquer outro tipo de conteúdo que o jornalista faz todos os dias, você ainda revisa pelo computador? A sugestão é imprimir e revisar no papel!

A tarefa de escrever já é bastante desgastante. Quem faz isso todos os dias, praticamente o dia inteiro, sabe muito bem que são intermináveis horas de raciocínio e atenção antes de bater as teclas do computador, lendo e relendo o mesmo arquivo digital, até que uma hora nos damos por satisfeitos e, definitivamente, sem mudar mais nada, avançamos para a revisão, última chance antes de enviar o material para o editor ou cliente.

Fazer a revisão do material impresso é muito mais fácil e dinâmico do que, mais uma vez, fazer a releitura pelo computador. Parece impressionante, mas, na prática, é possível perceber que, olhando no papel, é mais fácil encontrar erros, repetições de palavras, frases mal formuladas, estruturas incorretas, entre outros problemas no texto.

Além disso, parece que de tanto ler e reler o mesmo texto pelo computador, em um determinado momento acabamos tão “viciados” que não conseguimos sequer visualizar as falhas.

Ter a impressora em casa ajuda muito. Ao terminar o artigo, é só mandar imprimir, esperar um tempo para descansar um pouco do assunto e, finalmente, partir para a revisão impressa, que funciona bem melhor.

Investir na impressora é uma atitude inteligente, pois o jornalista vai melhor bastante o seu trabalho, assim como sua produtividade!

Entregas físicas

Sabe quando você precisa entregar um material para um cliente avaliar? Você faz isso por e-mail e também no impresso. Muitas pessoas encomendam artigos, posts, e-books e outros materiais e preferem receber no impresso, seja para revisão ou para apresentar para a diretoria, em uma reunião.

Enfim, se você é jornalista freelancer, precisa estar preparado para apresentar o conteúdo para o seu cliente no impresso e no digital. Isso faz parte do atendimento, da rotina do jornalista que trabalha por conta própria.

É interessante, pois este tipo de entrega valoriza ainda mais o trabalho. Com a impressão feita de forma bonita e organizada, o cliente tem a impressão de ter recebido um produto “de verdade”, o qual ele pode tocar, mostrar para os outros com mais facilidade para pedir opinião ou mesmo divulgar. De certa forma, isso aumenta o valor do trabalho. Ou seja, não dá para abrir mão de uma impressora.

Propostas para reunião

Em uma reunião de pauta ou em um encontro para apresentar um conteúdo para diversas pessoas ao mesmo tempo, o impresso sempre funciona melhor.

Em primeiro lugar, evita que duas pessoas tenham que dividir o computador. Quando isso acontece, nenhuma delas presta atenção direito e muitas vezes ficam bem desconfortáveis.

Em segundo lugar, todos os participantes podem rasurar o impresso, no calor da reunião, quando as ideais boas aparecem, no momento exato em que elas devem ser escritas. Deixar para enviar por e-mail depois também não funciona.

E, por fim, é possível alterar o documento no ambiente digital e entregar uma versão definitiva, atualizada, para todas as pessoas que participaram da reunião. Neste caso, vale a pena utilizar sua própria impressora, para não desperdiçar dinheiro imprimindo em copiadoras.

Invista em uma impressora de qualidade

A Creative Cópias tem diversas impressoras de qualidade e que são realmente acessíveis, de marcas boas, como HP, Samsung, Canon, Brother, Lexmark, Xerox, entre muitas outras. Invista no seu equipamento de trabalho. Certamente, vai valer muito à pena!

 

 

 

Autor: Marcelo Silva

Conteúdo Relacionados

Comentários (0)

postar comentário
Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Produtos em destaque

Assine nossa newsletter

Receba novidades e promoções do nosso blog em seu e-mail.

Categorias